27/02/2020

Autonomia é o futuro do restaurante?

O mundo está em constante mudança e a tecnologia alterou o comportamento do consumidor. Segundo uma pesquisa realizada pela CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), 41% dos brasileiros esperam que a tecnologia proporcione mais autonomia no consumo. Nesse mesmo sentido, de acordo com uma pesquisa sobre comportamento de compra da Croma Marketing Solutions,  60,4% dos brasileiros pretendem realizar compras e pedidos através de autoatendimentos nos próximos três anos.

 

O que esses números podem nos dizer? Como essa realidade se aplica aos restaurantes e food service? Descubra nesse artigo se a autonomia do cliente é realmente o futuro desse setor de mercado.

 

 

O QUE É AUTOATENDIMENTO?

 

Esse modelo de negócio permite que o cliente realize todo o processo de compras sozinho, inclusive o pagamento pelo produto. 

 

Apesar do formato não ser novo, ele tem sido remodelado na era digital e isso tem aberto um mar de possibilidades para diversos setores — inclusive para restaurantes.

 

Uma característica marcante no autoatendimento é o fator do cliente não precisar de atendente para intermediar o processo de compra. Por exemplo: já imaginou fazer um pedido sem precisar esperar um garçom, mas contar com todas as informações e foto do produto? Além de ser possível, esse processo já é comum na maioria dos restaurantes fast-food.

 

Mas engana-se quem pensa que essa inovação se aplica apenas em redes de comida rápida e grandes restaurantes. Todo estabelecimento pode adotar o autosserviço e autoatendimento para otimizar os processos e proporcionar uma melhor experiência para o cliente.

 

VANTAGENS DO AUTOATENDIMENTO

 

O autoatendimento pode proporcionar vantagens tanto para o restaurante quanto para o cliente. Veja algumas:

 

  •  Aumento da produtividade

A equipe de atendimento não é sobrecarregada, trabalhando com menos pressão e mais tempo, podendo focar em casos mais importantes ou em clientes que realmente precisem de uma atenção especial.

 

  •  Redução de custos operacionais

Sabendo que a maioria das pessoas tem facilidade com tecnologias de autoatendimento, a empresa terá uma redução exponencial no número de funcionários destinados ao atendimento. Tudo isso gera valor e faz com que a margem de lucro do negócio cresça.

 

  •  Redução de erros e falhas de processo

 

Provavelmente já aconteceu de seu pedido vir errado. Ou a experiência com o atendimento ser desagradável. Essas situações têm feito o autosserviço ser cada vez mais adotado em comércios, e esse modelo mais presente no cotidiano das empresas. As tecnologias de autoatendimento são bastante intuitivas e diminuem as probabilidades de ocorrer algum problema no pedido.

 

  •  Melhora no atendimento

 

Além de reduzir as filas e o tempo de espera, o autoatendimento reduz etapas de compra. Isso deixa o cliente satisfeito e contribui para a reputação do negócio.

 

  •  Melhora a experiência de consumo

 

Ao investir em autoatendimento, o restaurante mostra que se preocupa com inovação e bem-estar de seus clientes, oferecendo-lhes uma opção de agilizar o processo de pedidos e tornar a experiência muito mais agradável.

 

TERMINAIS DE AUTOATENDIMENTO

 

Os terminais de autoatendimento são semelhantes a um caixa eletrônico. Simples e fácil de operar, têm sido usados para melhorar o atendimento e agilizar os pedidos, principalmente nos dias e horários de maior movimento.

 

O processo é bem rápido e eficaz: o cliente chega ao estabelecimento, se dirige a um totem de autoatendimento, escolhe o produto e efetua o pagamento por meio de cartão de crédito ou débito.

 

Ao final da operação, será entregue uma senha numérica. Quando o pedido estiver pronto, os números serão anunciados em um painel. Basta o cliente comparecer no balcão e retirar o pedido. Muito fácil, não é? E o melhor: sem encarar enormes filas e sem correr o risco de o pedido vir errado.

 

O primeiro passo consiste em você avaliar se essa alternativa pode ser aplicada ao seu negócio. Adotar essa solução colocará sua empresa um passo à frente da concorrência.

 

CARDÁPIO DIGITAL

 

O autoatendimento através do cardápio digital permite que o cliente acesse o cardápio através de um tablet que fica na mesa e já efetue o pedido na hora. Também existe a opção de chamar o garçom na mesa se preferir.

 

Através do tablet, o cliente acessa todo o cardápio, com imagens tentadoras e descrições de cada prato. Após o pedido, o atendente chama o cliente pelo nome, número da comanda ou entrega diretamente na mesa. E o pagamento é feito ao final do atendimento, diretamente no caixa, ou ainda pelo celular, através de um aplicativo de pagamento (descrito a seguir).

 

Além das facilidades já mencionadas, o cardápio digital aumenta o lucro do restaurante, através do acréscimo das vendas. Conforme pesquisas realizadas com estabelecimentos que utilizam essa ferramenta, o aumento do ticket médio faz as vendas subirem até 30%. Isso porque o cliente não precisa aguardar o atendente, tornando a compra mais rápida e impulsiva, uma vez que fotos dos produtos despertam muito mais desejo no cliente. Além disso, o restaurante pode configurar ofertas para aparecer na tela do tablet, chamando a atenção do cliente para determinado produto.

 

PAGAMENTO PELO CELULAR

 

Além de poder fazer o pedido sem atendentes, também é possível realizar o pagamento sem precisar ir ao caixa e enfrentar filas. Quem nunca deixou de entrar em um restaurante por causa do tamanho da fila? Principalmente no horário de almoço, em que o tempo é curto, a fila do caixa pode acabar espantando os clientes.

 

Pensando nisso, surgiram os aplicativos de pagamento mobile. Pelo celular, o cliente baixa um aplicativo, cadastra seu cartão de crédito, lê um QR Code do cartão comanda ou da mesa, acompanha o consumo conforme vai fazendo pedidos, e por fim realiza o pagamento através do smartphone. Neste mesmo momento, a comanda/mesa do cliente aparece como liberada/paga para o restaurante, desde que este utilize um sistema de gestão/frente de caixa integrado com o aplicativo de pagamento. Praticidade para o cliente e para o estabelecimento!

 

Como se vê, os restaurantes autônomos farão cada vez mais parte do cotidiano dos consumidores, transformando de uma maneira radical a relação do pedido com o cliente. Você acredita que seu restaurante poderia melhorar a performance usando algum desses recursos? Conheça as soluções da Olitécnica e veja como nossa equipe especializada pode te ajudar.

 

 




Olitécnica